21 de outubro de 2016

Informação:

Por motivos de saúde não poderei postar no blog quando tudo estiver a 100% voltarei com força, não há doença que deite ao chão uma Benfiquista.

Ass: AnynhaSimões

12 de outubro de 2016

CASAR À BENFICA

É benquista e gostava de casar com um vestido oficial do seu clube?
Já é possível!
Tudo porque a Lisbon Lux Brands e o Benfica estabeleceram uma parceria e criaram a primeira coleção de vestidos de noiva, assinados por Micaela Oliveira.
Mas como é que surgiu esta ideia inédita?
"Já há algum tempo que o Benfica tem vários pedidos para organizar casamentos no estádio. 
E as mulheres vão cada vez mais ao futebol. 
Nas lojas do Benfica há uma panóplia enorme de produtos, mas ainda não tinham este. 
Quando apresentámos a proposta, o Benfica ficou surpreso, mas aceitou de imediato, porque é um produto que vai aproximar ainda mais as adeptas", explicou Helena Marques, mentora do projeto e sócia da Lisbon Lux Brands, na apresentação da coleção Vitoria, que decorreu ontem no Estádio da Luz e que contou com José Eduardo Moniz, vice-presidente do clube.

"Vamos vestir a noiva, a família dos noivos, e ainda a menina das alianças", brincou.
Para Micaela Oliveira este projeto é "um marco muito importante" na carreira.
"Sou simpatizante do Benfica e este convite foi uma grande honra", afirmou, "confiante de que será um sucesso".
"É uma coleção pensada para o Benfica e tem algumas particularidades que reportam para o clube, como a águia que está presente nos vestidos ou os forros que são todos em vermelho. 
É mais uma experiência do que um vestido", descreveu, sem esquecer as clientes adeptas das formações rivais.
"Tenho clientes do Sporting e do FC Porto. 
Visto as mulheres quase todas dos jogadores do FC Porto. 
Quando for a gala dos Dragões de Ouro não vai ser fácil", disse, entre risos.
Os modelos podem ser adquiridos no ‘showroom’ da Lisbon Lux Brands, bem como no atelier da designer.

Fonte: record.pt

Dínamo de Kiev provoca o Benfica: "Derrotável"

Os ucranianos, na campanha de venda de bilhetes para quarta-feira, dizem que o campeão português "é derrotável", lembrando os embates da época passada com... o FC Porto.

O Dínamo de Kiev lançou uma campanha de venda de bilhetes para o jogo de dia 19 com o Benfica no mínimo... provocadora.
No sítio oficial do estádio do Dínamo, o Olímpico de Kiev, são apontados cinco "argumentos" para convencer o público a apoiar a equipa da casa, com um deles a minimizar o Benfica e o futebol nacional.
"O Benfica - uma equipa forte - mas como representa a liga portuguesa é derrotável. 
Podemos dize-lo da experiência do ano passado contra o FC Porto", lê-se.
Recorde-se que o Dínamo venceu no Dragão (2-0) e empatou na Ucrânia (2-2), deixando a equipa lusa em terceiro no grupo da Champions.
No emblema de Kiev, e apesar do segundo lugar na liga ucraniana, a seis pontos do Shakhtar de Paulo Fonseca, os tempos são de alguma instabilidade: a equipa sofreu três derrotas em casa e, mesmo agora num ciclo de quatro jogos sem perder, tem estado sob fogo dos adeptos e da Imprensa.
Sergey Rebrov, treinador, numa entrevista ao programa "Profutbol" do canal "2+2" citada pela imprensa local, admitiu haver alguma desmotivação no grupo.
"Após 2,5 anos de trabalho, vejo que alguns jogadores perderam a motivação e o interesse no treino, requerimentos que nós lhes impomos. 
No futuro, quem não estiver motivado ou a lutar por um lugar no onze, vai ter de sair", lançou, lembrando que "foram contratados jogadores por quantias elevadas, alguns por oito milhões, que agora não se podem libertar de borla".
Na fase atual, o Dínamo está a querer apostar em jovens e o ânimo está a crescer.
"Já vejo mudanças e uma maior intensidade nos últimos jogos. 
Ainda se cometem erros, mas não somos robots", concluiu Rebrov.

Lystcov: «Não voltarei ao Benfica B»

Vitaly Lystcov chegou ao Benfica há duas épocas mas continua à procura de afirmação na equipa encarnada.

Depois de uma primeira época ao serviço da equipa B das águias, o central russo foi emprestado ao Tondela, mas continua sem merecer grandes oportunidades por parte da equipa técnica.

Em entrevista ao site Sovsport, esta terça-feira, Lystcov falou do momento atual e confessou que não pretende regressar aos «bês» do Benfica.

«Falei com responsáveis do Benfica e eles disseram-me que o meu nível era demasiado alto para a equipa B. 
Decidimos então que o Tondela seria a melhor opção, devido às boas relações entre os dois clubes. O presidente é amigo do treinador. 
Apesar de não ser o nível mais alto, creio que terei mais experiências. 
Não percebo por que ainda não as tive, mas é aguardar para ver»

«Não voltarei ao Benfica B, já há outros jogadores jovens. 
Tenho mais um ano de contrato mas, já que saí, quero dar um passo em frente. 
Quero criar nome em Portugal. 
Para sair, talvez para um outro qualquer país da Europa, não penso voltar à Rússia. 
O meu sonho é Inglaterra. 
Tenho de ficar por mim mesmo. 
Não estou aborrecido, além disso o Tondela não tem tido bons resultados. 
Estou seguro de que o treinador me dará outra oportunidade, e vou dar o salto», começou por referir.

O jogador disse ainda que recusou uma proposta da Suíça para poder experimentar a primeira divisão portuguesa, admitindo contudo alguma desilusão com a vida nas Beiras.

«A vida em Tondela é muito aborrecida, não há nada para fazer. 
Às vezes vou a Viseu para me entreter»

«Havia a hipótese de ir para o Sion mas o Benfica entendeu que era melhor manter-me em Portugal. 
O Tondela joga na primeira divisão e preferi ver como era, em vez de ficar na II Liga», explicou, revelando ainda que «não mantém contacto com alguém ligado ao Benfica».

Benfica atribui prémio Miklos Fehér a campeão de remo e campeã de atletismo

O Benfica distinguiu hoje os atletas húngaros Áron Guttin, ex-campeão europeu e magiar de remo, e Kriszta Kószás, com vários títulos no atletismo, com o prémio Miklos Fehér 2016.

Desde 2009 o clube da Luz premeia anualmente atletas húngaros, no âmbito de um protocolo com a escola Bercsényi Miklós, em Gyor, terra natal do antigo futebolista do Benfica, que morreu a 25 de Janeiro de 2004, durante um jogo da equipa "encarnada".

Este ano a distinção coube a Áron Guttin e Kriszta Kószás, atletas que visitaram hoje o Centro de estágios do Seixal e o Museu do Benfica, no Estádio da Luz, e receberam o prémio das mãos do vice-presidente Alcino António.

A escola Bercsényi Miklós, que Fehér frequentou na juventude, é especializada na formação desportiva de jovens que querem fazer do desporto a sua vida profissional, e no seu palmarés constam vários atletas com medalhas olímpicas.

Através do protocolo celebrado com o Benfica, os melhores alunos, selecionados pela escola, visitam todos os anos as instalações do Benfica.

Fehér, avançado que no futebol português passou pelo FC Porto, Sporting de Braga, Salgueiros e Benfica, morreu a 25 de janeiro de 2004, aos 24 anos, ao sofrer uma paragem cardiorrespiratória num jogo do Benfica em Guimarães, para o campeonato.

O Benfica homenageia desde então o jogador e, além dos prémios Miklos Fehér, ergueu um busto do futebolista no Estádio da Luz e mandou retirar a camisola 29, o número que era usado pelo avançado e que não voltará a ser envergado na equipa de futebol.

8 de outubro de 2016

SETE MIL PESSOAS NO SANTOS-BENFICA

O particular entre o Santos e o Benfica, que se vai disputar no sábado, às 20h05 (hora portuguesa), na Vila Belmiro, será presenciado, pelo menos, por sete mil espectadores, mas os responsáveis do clube brasileiro acreditam que este número ainda poderá ser superado pois restam quatro mil entradas nas bilheteiras.
Uma vez que o jogo servirá para homenagear Léo, o Santos mandou fazer milhares de máscaras com a cara do jogador que serão utilizadas pelos adeptos.
O antigo lateral, recorde-se, vai jogar pelas duas equipas.
Resta ainda acrescentar que no jogo será também lançada uma campanha contra a PAF (polineuropatia amiloidótica familiar), uma doença genética que afeta uma pequena franja da população brasileira.

Fonte: record.pt

ÁGUIAS GARANTEM: «SÓ O BENFICA NOS FAZ SORRIR ASSIM»

O Dia Mundial do Sorriso assinala-se esta sexta-feira e o mundo do futebol não passou ao lado da efeméride.
A FIFA partilhou um vídeo com Ronaldo e companhia e também o Benfica está a assinalar a data nas redes sociais.

No Facebook, os encarnados publicaram fotografias de Mitroglou, Luisão, Jonas e Rui Vitória com a legenda "Só o Benfica nos faz sorrir assim".















Também no Twitter as águias marcam igualmente a data com imagens de várias modalidades e da formação.

ESCLARECIMENTO DA DIREÇÃO DE COMUNICAÇÃO

Na sequência do esclarecedor apelo feito ontem pelo Presidente do Sport Lisboa e Benfica, e com o objetivo de eliminar a confusão intencionalmente gerada no espaço público, de quem pretende ligar o livre comentário de adeptos e simpatizantes do nosso Clube com as posições oficiais do Sport Lisboa e Benfica, cumpre esclarecer:

1. Os canais oficiais de comunicação do SL Benfica são a BTV, o Jornal “O Benfica”, o Site Oficial do Clube e todos os sítios nas Redes Sociais devidamente identificados e registados.

2. As únicas pessoas que vinculam e representam oficial e publicamente o Sport Lisboa e Benfica são o presidente do Clube, os dirigentes em atos de representação oficial do Clube e outros profissionais da instituição devidamente mandatados para o efeito.

3. As opiniões, comentários e análises das diferentes personalidades Benfiquistas, que apenas na sua condição de adeptos e simpatizantes participam em programas de comentário desportivo, não vinculam a nenhum nível o Sport Lisboa e Benfica.

4. Consideramos abusiva, maldosa e provocadora qualquer insinuação sobre qualquer eventual relação entre as opiniões e comentários desses respeitáveis adeptos no espaço público com as posições oficiais do Sport Lisboa e Benfica ou desta Direção de Comunicação.

5. O Benfica sempre foi um espaço de liberdade, e a participação nesses debates de adeptos e simpatizantes do nosso Clube insere-se no uso legítimo dos seus direitos individuais, não podendo eles próprios sentir-se limitados pelas insinuações que se pretendeu criar, confundindo a sua livre expressão com posições mandatadas.

6. Reafirmamos a importância do apelo do presidente aos adeptos benfiquistas sobre a importância do uso criterioso da palavra nos espaços públicos, contributo essencial para a mais sã convivência e respeito devido entre todas as instituições desportivas.

Direção de Comunicação SLB

Fonte:slbenfica.pt

6 de outubro de 2016

LUÍS FILIPE VIEIRA: «PEÇO AOS BENFIQUISTAS QUE NÃO FALEM DOS OUTROS»

Luís Filipe Vieira disse esta quarta-feira que o Benfica e os benfiquistas "devem ver em Mário Wilson um exemplo para a postura do dia a dia".

"Dentro do campo os jogadores e o treinador sabem o que fazer para levar o Benfica a cumprir os objetivos. 
E não é a qualquer preço. 
Quem está fora deve apoiar cada vez mais para sermos tetra e fazermos história", disse o presidente do Benfica à margem do funeral de Mário Wilson.

Para Vieira só uma grande coesão é que permite chegar ao que se pretende.
"Devemo-nos manter coesos e unidos e preocuparmo-nos só com o Benfica
O que acabou de dizer do Sporting é um problema dos sócios do Sporting e não do Benfica
Peço aos benfiquistas, opinadores ou não, que não falem dos outros mas sim de nós", continuou.

"Servimos o Benfica, vivemos o Benfica, não vivemos os outros. 
Respeitamos os outros mas vivemos o nosso do Benfica", frisou.

Fonte: record.pt

Melhor que o Benfica só o Bayern

Equipa de Renato Sanches é a única, entre os campeonatos europeus, a marcar mais que as águias
À procura do tetra, o Benfica arranca com força (19 pontos em 21 possíveis), sendo isso visível também nos 13 golos de diferença entre marcados (17) e sofridos (quatro).
Olhando para os líderes das ligas à frente de Portugal no ranking da UEFA, apenas o Bayern consegue melhor.
Mesmo com apenas seis jogos, os bávaros têm um saldo positivo de 14 golos (16 marcados e dois sofridos).
Sem liderarem, Zenit (14 golos positivos) e Mónaco (saldo de 13 golos) também impressionam.